segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Túnel do Tempo #8 | Relembrando as Operações da EPF



Olá pinguins! Após dois anos sem nenhuma atividade, a EPF finalmente iniciou uma nova operação. Muitos agentes pela ilha estão totalmente despertos, usando seus equipamentos de elite e seus aparelhos ultra-secretos na infindável perseguição contra Herbert P. Bear. E, aproveitando este clima, nós iremos fazer uma viagem secreta no Túnel do Tempo e relembrar TODAS as operações que a Elite Penguin Force já realizou. Preparado? Então continue sua leitura, agente!



Batalha da Hidra

Dentre os muitos problemas que Herbert causou à ilha, este ataque foi um dos mais notáveis, e não é à toa que se encaixa no nosso quadro como parte da primeira operação da EPF realizada no jogo. A Batalha da Hidra foi um acontecimento onde Herbert destruiu a Estranha Parafernália Falante, usando um enorme robô chamado Hidra Bot, ou simplesmente Hidra. Este termo "Hidra" é comumente usado para fazer referência a uma criatura da mitologia grega que é semelhante a um dragão que possui várias cabeças. Herbert queria usar o robô para destruir a EPF e a Sala de Comando, e depois destruir todo o resto do Club Penguin.







O mais interessante é saber como Herbert conseguiu essa máquina monstruosa. A resposta encontra-se no fato de que, alguns dias antes deste incidente acontecer, ocorreu na ilha a Festa Medieval. E a Jornada do Cavaleiro III consistia-se em basicamente lutar contra essas cabeças mecânicas de dragão. Depois que a festa terminou, o equipamento todo foi descartado, e acabou parando nas patas do mal, que fez alguns ajustes próprios.


("Isso é o que acontece quando você deixa equipamentos perigosos por aí depois de uma certa Festa Medieval!" - Herbert P. Bear)

Para batalhar contra Herbert, era necessário acessar o telhado da EPF (pela primeira e talvez última vez foi possível fazer isso). Assim que você entrasse na Estranha Parafernália Falante, você tinha que passar por uma vala onde havia uma placa dizendo "Somente EPF", e subir as escadas.





Quando você chegava lá em cima, Herbert começava a falar com você. Ele dizia algumas típicas frases de efeito, como: "Impressionado com o que eu fiz com a sua Estúpida Parafernália Farsante?", e algumas frases ameaçadoras, como: "Depois que eu acabar com você e sua preciosa Sala de Comando, vou acabar com o resto do Club Penguin!".


(Tradução: ..."Apenas uma certa máquina monstruosa de Hidra que vocês pinguins construíram para sua festa ridícula.")
(Sim, o visual de Herbert foi peculiarmente alterado a partir desta operação)²

Em seguida, Herbert começaria a usar o Hidra Bot para explodir os cinco espaços ao longo do telhado da EPF. O jogador deveria esquivar-se dos ataques, e revidar usando táticas de bolas de neve. Uma vez que todas as três cabeças de Hidra fossem derrotadas, Herbert e Klutzy, que outrora reparavam os danos causados ao robô, usariam cápsulas de fuga e recuariam. O jogador poderia então adquirir duas recompensas: o Pin Distintivo da EPF (para todos), e uma das três Cabeças de Hidra (um item de iglu, para assinantes). Você podia repetir a batalha, e cada fez que a completasse receberia uma cor diferente de Cabeça de Hidra (azul, vermelha ou amarela) como recompensa. Além disso, você também receberia 3 medalhas da EPF por cada vitória.





Gary, o Pinguim Inventor, deixou algumas invenções para ajudar o jogador na batalha: o "Escudo Laser 3000" e o "Caldeirão 3000" . Ambas foram usadas pelos pinguins para derrotar a Hidra.


(Os raios do robô refletiam no escudo, salvando o seu pinguim do ataque e gerando assim um contra-ataque)


(Ao atirar bolas de neve no alvo, o caldeirão iria derramar lava e danificar o robô)

Sabemos que no passado as operações e atividades chegavam a ter um certo grau de dificuldade maior. E a Batalha da Hidra foi um desafio e tanto. Tanto é que houveram jogadores com dificuldade em entender como derrotar a máquina/o Herbert. Mas o Club Penguin chegou a facilitar: um espaço prestes a ser atingido por um ataque da Hidra brilhava levemente, e isso fazia com que o jogador tivesse tempo de esquivar.



Algo digno de nota é saber que quem não era agente da EPF não podia participar da operação, diferentemente do que acontece atualmente. Se você fosse um civil, você iria encontrar a sala no seguinte estado:


(Se você não fosse agente, não haveria escadas e você não poderia subir. A placa no alto diz: "Somente EPF")

Operação: Hibernação

Até hoje ainda é possível encontrar traços desta operação no CP. O selo "Rastreando Herbert" juntamente com o seu nível do jogo Defensor do Sistema surgiram justamente devido à Operação: Hibernação, um dos mais engenhosos acontecimentos da Elite Penguin Force. O plano foi identificar a localização de Herbert e capturá-lo em estado de hibernação, com a ajuda do Ar Condicionado 3000, uma invenção de Gary, que faria com que o urso sentisse a necessidade de hibernar devido às condições ambientais bastante adversas. Após impedir um ataque ao sistema da EPF, os agentes conseguiram localizar Herbert na Montanha Mais Alta, e foi aí que a operação começou. O AC 3000 foi instalado nas proximidades, para manter bem geladas as temperaturas das montanhas.




(Uma mensagem secreta incluída em uma edição do Club Penguin News)


(O Ar Condicionado 3000, ou AC 3000, uma invenção de Gary, colocado na Estação de Esqui)

Capturar Herbert P. Bear é, pelo que sabemos, o mais importante objetivo das missões e operações da Elite Penguin Force. Um grande ato de coragem, força e inteligência. Mas fazer isso não é nada fácil. A Operação: Hibernação foi uma operação bem específica para capturar o urso. E para tanto, os agentes tiveram que elaborar planos de captura, e a ideia final foi prender Herbert dentro de uma caixa de vidro. Com o AC 3000, a temperatura desta caixa de vidro seria drasticamente reduzida, resultando num intenso clima de frio, forçando assim Herbert a hibernar por um bom tempo. Uma curiosidade interessante é que os ursos polares realmente hibernam, mas em geral é a fêmea que faz isso. Para fazer um urso polar macho hibernar, são necessárias condições meteorológicas extremas (daí a operação). Como já mostrado, o equipamento foi colocado nas proximidades da Montanha Mais Alta, e Herbert começou a dormir. O próximo passo seria então chegar ao seu encontro e o trancafiar dentro da caixa de vidro. Para chegar até o vilão, os agentes secretos tiveram que passar por labirintos de laser projetados por Herbert. As áreas da Montanha Mais Alta foram exclusivamente liberadas durante a época.



Após passar pelos labirintos, você iria finalmente chegar ao esconderijo de Herbert. Primeiro você deveria atirar bolas de neve em três caixas de força, para desativar o sistema de alarme. Então o Agente G iria enviar uma mensagem, e teletransportar as peças do AC 3000. Era preciso montá-las em torno do Herbert. Fazendo isso, você estaria conseguindo completar o mais importante objetivo da operação, como já mencionado acima. Sem dúvida uma grande honra, agente! Como recompensa pelos seus esforços, você iria receber 3 medalhas da EPF e o Pin AC 3000.








(O Pin AC 3000, a recompensa após finalizar a operação)

Como realizar a operação toda sem que os pinguins normais da ilha ficassem sabendo? Simples. Com uma festa. Ocorreu então A Grande Corrida, uma festa que serviu de disfarce e foi realizada pelos arredores gelados e pelos picos da Montanha Mais Alta, onde os pinguins tinham que fazer sua "grande corrida" no mais alto morro de toda a ilha. Assim, a EPF poderia cumprir com sua tarefa sem que os pinguins ficassem sabendo o que ocorria no interior da montanha.




(Base de Suprimentos)


(Topo da Montanha Mais Alta)

Câmeras de vigilância foram instaladas no local onde Herbert adormeceu, para facilitar o monitoramento do urso pela Sala de Comando da EPF. Parece que a EPF finalmente tinha tudo sob controle, e que agora a ilha estava segura das ameaças de Herbert P. Bear!



No entanto, não foi bem assim. Confiram este vídeo e entendam do que eu estou falando:



Isso é que é enredo. O vídeo mostra basicamente um possível sonho de Herbert onde ele escapa da prisão de vidro. Com uma canção de ninar e melodia agradável, a letra diz que Herbert acordaria se o frio acabasse devido a um acidente. E foi exatamente isso que aconteceu. Durante a Expedição Submarina, ocorrida em janeiro de 2012, a jaula de Herbert quebrou, provavelmente devido à inclinação da ilha. Depois destes eventos, Herbert se esconde e planeja sua vingança, resultando na célebre Operação Apagão.

Operação Apagão

Esta operação foi marcante. Tudo começou quando alguns rumores e especulações começaram a ser espalhados pelos blog de CP, devido a imagens e outros arquivos referentes ao possível evento. Depois, um vídeo divulgado pelo Club Penguin mostrou os bastidores do jogo, com um funcionário trabalhando em um computador e, na tela, as inscritas: "Operation: Blackout" (Operação Apagão). Mais tarde, no Twitter, moderadores do jogo passaram a fazer comentários sobre a festa. E então, para dar indícios ainda mais claros, o próprio Herbert ganhou uma conta de Twitter, e passou a publicar mensagens ameaçadoras para os pinguins. Ele inclusive respondia alguns tweets. Nesta época ele também criou o seu próprio website, onde mostrava um monitor com seus objetivos.


(Tradução do tweet: "Nada pode me deter. Nem você, nem a EP, nada. Mwhahaha! #operationblackout")

Que Herbert odeia frio todos já sabem. Então, pouco antes da Operação Apagão começar, o vilão elaborou um plano para satisfazer os seus próprios desejos e magnificar o seu nome. Disfarçadamente, Herbert perguntou a Gary, na edição 365 do Club Penguin News, como construir um laser reversor de alta frequência infravermelho. E sem querer, o Pinguim Inventor deu a ele, disfarçado com o nome "Herb P.", as instruções para se construir esse Laser Solar capaz de bloquear a luz do sol. O desastre estava feito. Para dar início ao seu grande plano, Herbert passou a sequestrar os principais líderes da Elite Penguin Force, começando por Gary. Poucos depois, ele destruiu a Estranha Parafernália Falante e a Sala de Comando da EPF. O malvado urso ainda teve a audácia de tomar conta do jornal da ilha. Na edição 369, assumiu ter causado toda a destruição e também ter sequestrado o Gary. Ele disse que o Club Penguin agora era Club Herbert.








(Quando o Club Penguin se tornou Club Herbert, o "ilustre" urso estabeleceu novas regras)

A ilha inteira foi tomada por uma devastadora escuridão, devido ao Laser Solar de Herbert. Com esse laser, ele concentrou todo o calor que o sol fornecia à ilha em um único lugar, a sua fortaleza, o Sonho Tropical. Com a ausência de calor e luz solar, todos os locais da ilha começaram a congelar ainda mais, e montes de neve passaram a ser formados por toda a parte, cobrindo até mesmo pontos turísticos do CP.




(QG do Herbert. Ao fundo, nota-se Gary já capturado.)


(Paraíso Tropical, o aposento perfeito de Herbert em sua fortaleza)


(Centro durante os primeiros dias)


(Centro alguns dias depois)


(Centro totalmente coberto de neve)












(O Palco ganhou uma nova peça: "Minha Vida Visionária - A História de Herbert", onde contava a história de Herbert do ponto de vista dele mesmo.)

Uma curiosidade interessante é que Herbert lançou um vídeo chamado "Herbert Style", baseado na música "Gangnam Style" de "PSY", hit de muito sucesso na época, para comemorar a sua vitória.



A EPF precisava agir, e rápido. Como a Sala de Comando havia sido destruída, foi necessário improvisar e construir um QG Emergencial subterrâneo, para servir como base temporária aos agentes secretos. Formou-se então a resistência contra o domínio de Herbert sobre a ilha, e cabia a você e a muitos outros agentes corajosos livrar os pinguins da extorsão.


(QG Emergencial)


(Túnel Secreto)

A resistência era comandada pela Diretoria, que fez-se notavelmente presente e se tornou a única voz da EPF. Seu tempo era curto, pois Herbert tinha a intenção de capturá-la também. Logo, passou a dar ordens aos agentes para eles poderem dar um ponto final aos planos de Herbert. Novas missões eram liberadas em dias consecutivos, e consistiam-se em infiltrar-se na fortaleza de Herbert e danificar os seus sistemas eletrônicos nos seus respectivos setores, por meio de um mini-jogo.








(O mini-jogo dos setores da fortaleza de Herbert)

Agentes importantes estavam sendo sequestrados. O primeiro foi Gary, depois Dot, então Rookie, depois o Cara do Foguete e, finalmente, A Diretoria. Antes de ser capturada, A Diretoria deu aos pinguins ordens finais para derrotar o Herbert. Elas consistiam em hackear o sistema principal do Laser Solar, novamente por meio do mini-jogo mostrado.





Quando o Laser Solar foi destruído, a ilha foi salva. Um vídeo muito épico aparecia quando o jogador conseguia completar a missão final. O modo como ele conta o encerramento da história, como mostra o plano de Herbert sendo frustrado, e finalmente como revela a verdadeira identidade da Diretoria, é simplesmente incrível. Bom, mas no vou só ficar falando. Confira-o você mesmo:



As salas da ilha começaram a mudar de aparência, e era possível visualizar o céu brilhando de novo. Feixes de luz identificavam o retorno dos raios solares, o que significava que a ilha estava voltando ao normal.







Durante a festa, Herbert se tornou oficialmente um mascote, e passou a ser encontrável pela primeira vez no jogo. Assim, os pinguins podiam adquirir o Plano de Fundo do Herbert. Um selo também foi lançado para quem o encontrasse (o último que lançou da categoria Personagens). Pinguins de toda a ilha agora podiam encarar pessoalmente o mais famoso vilão do CP! Virou costume entre os jogadores fazer ofensas (como "Urso fedido!") e críticas (como "Por que você não vai embora logo do CP?") cada vez que o avistam andando por aí. Depois que os agentes salvaram a ilha, Rookie também fez aparições.






(Herbert no jogo)

A Operação Apagão contou no total com 11 itens grátis, e a maioria era conquistada ao realizar as missões. São eles: Disfarce de Klutzy, Disfarce de Herbert, Gancho de Escalada, Laser Plasmático, Colete Refletor, Óculos Antifumaça, Botas Antilava, Mesa para Reuniões Secretas, Pin Cartão de Acesso, Plano de Fundo do Herbert e Plano de Fundo do Rookie. E o mais legal era que praticamente todos os itens estavam disponíveis para todos os pinguins, com exceção do Disfarce de Herbert, que é uma fantasia somente para assinantes.





Também havia um catálogo especial para esta festa, que se localizava no Ancoradouro, no Farol, na Praia e no QG Emergencial. Por meio dele os assinantes podiam adquirir itens exclusivos, como trajes de resgate e de médico.



O sucesso desta festa foi tão grande que ela bateu um recorde no Club Penguin, que chegou a registrar 1,8 milhões de pinguins online no dia 24 de novembro de 2012, a maior quantidade de pinguins logados em um momento específico.

Operação Molho Picante

A Pizzaria foi roubada! Alguém vandalizou o local e roubou todo o estoque de molho picante. A missão dos agentes era então descobrir quem fez isso por quê. Além disso, estava sendo prevista uma Festa da Pizza na Prainha, organizada por Rookie, mas esta acabou por ser cancelada devido à falta de pizza.




(Recado pendurado na porta da cozinha, indicando o mini-jogo Pizzatron 3000 fechado)



Era hora da Elite Penguin Force entrar em ação. Os agentes deveriam reportar-se então para a Pizzaria e se comunicar com o Cara do Foguete, que, pela primeira vez, era visto como um sprite (pinguim no jogo). Na Pizzaria, um tufo de pelos deixava tudo bem mais claro e óbvio. Era Herbert quem estava por trás de tudo isso.





Os agentes precisavam recolher duas amostras no local. O tufo de pelos e um pouco do molho picante que estava espalhado por toda a sala. Durante esta época, foi lançado no jogo um novo Telefone Secreto da EPF, e os pinguins puderam estrear logo de cara os seus novos recursos em prol desta operação.



O aplicativo Rastreador Turbo 3000 foi utilizado para a operação. Os assinantes examinaram as amostras através do telefone secreto e então começaram a seguir os rastros e vestígios deixados pela ilha. Já os não-assinantes tiveram que colocar as amostras no laboratório da Sala de Comando da EPF e esperar por 6 horas para prosseguir com a missão. Esta seria parcialmente a trilha visualizada pelo Rastreador Turbo 3000:









Após seguir as pegadas e rastos de Herbert P. Bear e Klutzy, os agentes foram parar na Praia e encontraram o esconderijo deles. Ao pisar na plataforma de metal, iria ser revelado então a entrada para o Esconderijo Submarino do Herbert. Para passar pela entrada, era preciso completar um mini-jogo de acesso.



Passando pela porta, os agentes se deparariam com Herbert P. Bear trabalhando em alguma coisa. Ele fazia um diálogo com o Klutzy.



Para dar um ponto final aos planos de Herbert (seja lá quais fossem eles), os agentes pegaram uma pizza da pilha de pizza e a arremessaram para o interruptor "Inundar" (a máquina de drenagem estava marcada para a opção "Drenar"). Klutzy, faminto, é enganado e vai até a pizza, e sem querer aperta o botão, inundando a sala e arruinando os trabalhos e planos de Herbert.





Como recompensa, os agentes receberam 5 medalhas e o Plano de Fundo Operação Molho Picante. A operação toda podia ser repetida quantas vezes o jogador quisesse, mas cada vez que ele fazia isso a quantidade de medalhas diminuía, até chegar a 1.



Graças ao trabalhos dos agentes da EPF, a Pizzaria agora havia recuperado seu molho picante. E a Festa da Pizza pôde então ser realizada! É interessante notar que através do binóculo da Prainha era possível visualizar Herbert e Klutzy flutuando em cima do que sobrou da invenção do urso.





Não se sabe o que Herbert estava realmente construindo, mas ele usou partes do Laser Solar (que foi destruído na Operação Apagão). Depois da operação, a ilha do Club Penguin passou a ser um lugar seguro mais uma vez. Por enquanto.

Operação: Puffle

Antes desta operação se iniciar, o site Club Herbert foi atualizado com uma mensagem dizendo: "Vocês não perdem por esperar.". No site, foi possível ver algumas folhas de papel ao fundo, e uma delas mostrava a silhueta misteriosa de puffle circulada. Depois, Herbert foi visto em um vídeo de Halloween segurando um livro suspeito com a figura de um puffle. Isso só podia significar que ele estava tramando alguma coisa relacionada com as criaturinhas preferidas dos pinguins.





A partir daí, apareceram pegadas de Herbert na Caldeira, e por lá algumas peças sumiram, danificando o grande recipiente metálico. O site Club Herbert foi atualizado novamente, desta vez com a imagem de uma máquina semelhante a um capacete. O que aconteceu foi que Herbert invadiu o G.E.L.O. (Guardador Especial Lotado de Objetos) e roubou o "Transmógrafo de Puffle", uma falha invenção de Gary, e o modificou, criando assim um capacete que mais tarde foi chamado de Dominador de Mente, um hipnotizador de puffles. Além disso, alguns famosos puffles da ilha, como o Guardião da Caldeira e do Palco, desapareceram.











Enquanto isso, houve um desmoronamento no subterrâneo, bloqueando o acesso à mina. Os trabalhadores que tentavam escavar os escombros notaram brilhos na sujeira. Quando algumas das rochas foram apuradas, os pinguins descobriram o lendário puffle dourado na Mina de Ouro, e todos puderam adotá-lo desde então.



Herbert passou a colocar o seu plano em prática, e capturou diversos puffles por todo o Club Penguin. Como a Operação: Puffle foi realizada na ilha, os puffles considerados raros e de mais difícil acesso não foram capturados por Herbert. Assim, durante a operação, Herbert não teve controle sobre os puffles multicores e os puffles dourados.



A Elite Penguin Force resolveu entrar em ação e libertar os puffles do controle mental de Herbert, e começou a operação. Agentes de toda a ilha foram convocados para resgatar os puffles capturados e devolver a eles a sua personalidade, livrando-os do Dominador de Mente. Para conseguir isso, Gary começou a rastrear o sinal entre puffles e Herbert. E então cada cor de puffle foi sendo atendida, e os agentes removiam os chips que faziam a máquina mental funcionar. Para resgatar os puffles, foi preciso jogar um mini-jogo exclusivo para a festa, chamado de Caça ao Puffle. Consistia-se em perseguir os puffles, controlados pelos Dominadores de Mente de Herbert, a fim de capturá-los e remover seus respectivos chips. Os Dominadores de Mente deixavam os puffles mais rápidos do que o normal, então era preciso deslizar em pequenos morros de neve a fim de ganhar velocidade e alcançá-los. E o legal é que, usando um puffle dourado, o jogador poderia encontrar baús de tesouro com itens grátis surpresas, além de moedas virtuais.












(Base de Apoio)





Você provavelmente deve estar se perguntando: "Mas afinal, pra quê Herbert queria controlar os puffles?". Ele queria os usar para coletar moedas. Puffles são especialistas nisso: eles escavam moedas a qualquer hora. As moedas seriam então usadas para fazer funcionar uma máquina importada movida à Molho Picante, que aquecia lugares e ambientes, e que foi comprada por Klutzy sem saber que esta funcionava à base de realimentação por dinheiro. O plano de Herbert também incluía espalhar o calor pela ilha através de tubulações cheias de molho.



No total, 10 cores de puffles diferentes precisavam ser resgatadas. Assim que o jogador completasse essas 10 missões, ele poderia ir até o Esconderijo do Herbert e derrotá-lo, colocando os chips no local correspondente da máquina de controle mental do vilão. Para a frustração deste ato de coragem e inteligência, Herbert elaborou um sistema de segurança, logo, assim que o jogador entrasse no covil do vilão, ele seria barrado por uma armadilha de anel de fogo. Para escapar desta, o jogador deveria ir até uma tubulação secreta, a fim de chegar ao terminal de segurança e, através dos chips, ativar a sequência de desativação da máquina de Herbert. Assim que concluído isso, os puffles dominados voltariam ao seu estado normal, e partiriam para cima de Herbert, levando-o para fora do esconderijo. Não se sabe ao certo para onde os puffles levaram Herbert. Ele ficou sumido por um tempo, e inclusive, como mostrado no site Club Herbert, Klutzy ficou procurando por ele.


























(Recompensa após finalizar a operação)





As salas padrões do Club Penguin não foram decorada, mas, durante o evento, a ilha inteira ficou com o céu noturno, o que refinadamente remeteu ao clima da operação. A operação toda foi realizada na área por de trás da Estação de Esqui, uma área até então inexplorada pelos habitantes do Club Penguin. Diversas salas exclusivas foram liberadas, e até um novo e temporário mapa teve de ser criado e colocado na interface da festa para ajudar os jogadores a se localizarem. Estas salas estão parcialmente próximas ao Dojo, e estão interligadas à floresta selvagem da ilha.




(Acampamento)


(Clínica Veterinária de Puffles)


(Casa da Árvore)


(Cachoeiras Congeladas)


(Paredes de Lava)


(Corredeiras)


(Caverna do Rio)

O Herbert e a TP fizeram aparições durante esta festa, e ambos distribuíram autógrafos totalmente inéditos. Quem encontrasse o Herbert poderia adquirir o Plano de Fundo Esconderijo do Herbert, e quem encontrasse a TP poderia adquirir o Plano de Fundo TP e os Puffles Dourados.





No total, 22 itens foram lançados para esta festa. Todos os pinguins podiam adquirir o Capacete-Lanterna, a Corda de Escalada, o Alto-Falante Portátil, o Aquecedor Portátil, a Lanterna de Resgate e a Puffle Freedom Statue (item de iglu, conquistado após derrotar o Herbert). Já os assinantes podiam adquirir o Pingente de Puffle Dourado, o Moletom Dourado, o Carro de Resgate Dourado, o Tênis Dourado e Branco, os Fones de Ouvido Dourados, o Carro de Resgate, o Hidro-Examinador 3000, o Estetoscópio, o Uniforme de Médico de Puffles, a Boia Salva-Vidas, o Veículo de Busca e Resgate na Neve, a Máscara para a Neve, o Snorkel da Sobrevivência e o Uniforme de Mergulhador de Resgate.


(Em dias consecutivos, as tarefas da operação eram sendo liberadas, juntamente com novos itens grátis)

E também havia um catálogo exclusivo durante o evento, onde podia ser encontrado nas salas decoradas. Infelizmente, apenas os assinantes poderiam adquirir os seus itens.



E esta foi a nossa edição do Túnel do Tempo! Durante todos esses anos, eu confesso que sempre fiquei admirado com a qualidade e o grau de diversão que as operações da EPF me proporcionaram. Uma agência secreta sempre fez parte da ideia que os desenvolvedores do Club Penguin tiveram para o jogo. E essas operações são realmente muito significativas e cumprem essa ideia! Além de muito divertidas, ainda incentivam as crianças a desenvolver raciocínio lógico. E, claro, a manter a nossa ilha segura.

O que você achou desta edição do Túnel do Tempo? De quais destas operações você participou? Que outra possível operação você gostaria que a equipe do jogo fizesse? Tem alguma ideia? Não se esqueça de deixar os seus comentários! Até mais e... Pinguinando!