sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Animal Warriors #6 | O Primeiro Desafio

Olá, pessoal! Umbreon aqui, para mais um episódio de Animal Warriors! No último episódio, após uma pequena batalha e uma descoberta estranha, nossos heróis partiram para o Monte Iho, com a esperança de que iriam achar algo lá. Sem mais delongas, vamos lá!



Ao se aproximar da montanha, a névoa estava ficando mais e mais densa, até que não conseguia-se ver nada. Umbreon tentou sair para o deque, mas Liza o puxou pela manga da camisa e o derrubou no chão.

Liza: Está louco? Se nós sairmos, algo pode nos derrubar da BB!

Umbreon: Podia falar isso sem me jogar no chão...

*BIP* *BIP*

Todos: Hein?

Snuggy: Detectamos uma construção cravada no interior da montanha!

Loko: O que estão esperando? Vamos lá!

Lota: Também detectamos uma enorme concentração de energia lá dentro!

Davry: BORA!

Davry começava a soltar faíscas e corria para todo o lado. Loko colocou o pé na frente dele, e ele caiu de cara no chão.

Lota: Vou calcular a rota mais próxima para chegar lá.

Algum tempo depois, a Black Bird pousou e eles desceram até as ruínas.

Umbreon: Uh, como se entra nessa coisa?

Loko: Se não tem entrada, vamos fazer uma!

Ele fez algumas pedras flutuarem e bateu com elas em uma das paredes até que ela quebrou.

Com o frio, nenhum deles hesitou em pular dentro da ruína. E para a surpresa deles: Era uma mansão abandonada.
O chão era muito escorregadio, e uma fraca luz solar entrava por um buraco no teto.

Olharam para o lado: Viram a porta da frente aberta:

Liza: Parabéns, Loko. Pelo menos, vandalismo aqui não é um problema.

Loko: Não me culpe por a porta estar tão escondida!

Snuggy: Olhem, escadaria.

Umbreon: Vamos lá.

Subiram a escadaria, passando por diversos corredores e muitas armadilhas. No entanto, uma coisa chamou a atenção deles: Um quadro enorme, cobrindo a parede inteira:

Davry: Todo mundo sabe que atrás de quadros suspeitos há uma passagem!

Ele cortou o quadro, e realmente, havia uma passagem, mesmo que escura. Porém, um círculo azul brilhou no meio da escuridão e se aproximou:

Todos: GOLEM!

O golem de gelo saiu com passos pesados, dizendo, com voz robótica:

Golem: INTRUSOS DETECTADOS. ELIMINAR O MAIS CEDO POSSÍVEL.

O círculo azul em seu peito fechou.

Lota: O núcleo é o ponto fraco dele! Temos que acabar com ele quando ele baixar a guarda!

Ele lançou um soco que estraçalhou o chão. Liza teve que recuar, pois não havia lugar para atirar.

Snuggy: Eu distraio ele! Pensem em algo!

Loko olhou para Umbreon e Davry. Eles acenaram. O golpe triplo que eles treinavam em Lit.

Usando o martelo de Loko como plataforma, Davry pulou e fincou sua lança em um dos olhos do golem.

Este, furioso, abriu seu núcleo e soltou um raio de gelo que congelou o corrimão das escadas. Snuggy percebeu o plano e atraiu o golem para o andar de baixo. Umbreon esquiou no corrimão, enquanto Loko fazia o mesmo. Umbreon pula no martelo de Loko, que o impulsiona para cima. Ele pousa no golem, e...

*SLASH*

O golem começa a radiar uma luz azul. Todos recuam, enquanto ele explodia em mil pedaços de gelo.

Umbreon: *puff* *puff* Tá, isso me cansou muito. Preciso respirar...

Davry: Você tá ficando velho.

Umbreon: *sigh*

Snuggy: Ele quase me empalou com um espinho de gelo. Ei, e aquela passagem?

Liza: Vamos.

A saída levava para um grande jardim. Também haviam portas a Norte, Leste e Oeste.
A Leste era a única destrancada.

Chegaram lá e se depararam com um quebra-cabeça. Havia uma cela com um baú lá dentro, mas não conseguiram quebrar as barras. Também havia uma teia de aranha gigante, bloqueando o caminho para um grande vaso lá dentro. A teia era resistente demais; nem as katanas de Umbreon a rasgavam.

Liza: Deve ter alguma coisa que nós não vimos lá no jardim. Vou procurar lá, enquanto vocês tentam achar alguma coisa.

Liza foi até o jardim. Ela começou a procurar entre as árvores; mas não achou nada. Porém, algo chamou sua atenção.

Uma fonte no centro, com água congelada. Ela olhou dentro, e viu uma grande esfera metálica congelada dentro da fonte.

Liza: LOKO!

Loko veio logo depois.

Loko: O que foi?

Liza: Vem ver isto!

Assim que olhou para a esfera, ele marretou o gelo, quebrando-o e conseguindo a bola.

Liza: Talvez isso nos ajude.

Carregando a esfera, ele a largou no chão da Sala Leste.

Snuggy: Ok, mas no que isso pode nos ajudar?

Loko: Sei lá. Deixa aqui, só pra caso a gente use.

Umbreon: Aliás, cadê o Davry?

*pank* *pank*

Ele saiu de trás de uma pilha de velhos objetos. Ele estava carregando algo na mão.

Liza: O que é isso?

Davry: Sei lá. Acho que é um canhão.

Todos olharam para a bola e depois para o canhão. Davry o largou no chão, perto da esfera.

Loko carregou o canhão.

Loko: Ok, agora como nós vamos ativá-lo?

Snuggy: Eu tenho um is-

Ele foi interrompido.

Davry: Deixa comigo!

Soltando faíscas pelos dedos, ele fez uma gambiarra e acendeu o pavio. Tamparam seus ouvidos, e...

*KABOOM*

Quando a fumaça cessou, a teia de aranha tinha sido rasgada. Por um fio, a bola não acertou o grande vaso que estava lá.

Umbreon pegou o vaso e o removeu dali.

Umbreon: Agora, onde coloco isso?

Liza: Me dê isso.

Ela pegou o vaso e voou, colocando-o em uma plataforma bem alta.

De repente, a cela com o baú abriu.

Loko: O que tem aqui?

Ele deu um chute no baú, que abriu, caindo uma chave lá de dentro.

Snuggy: Lembra que a saída Oeste estava trancada? Deve ser para lá.

Disparando para o portão Oeste, fincaram a chave no cadeado. A porta se abriu rangindo...

Umbreon estava se sentindo estranho. Desde aquela batalha com o golem, ele não conseguia lutar bem. O problema é que:

Eles não estavam sozinhos.


        Continua...



Bom, é isso por este episódio! Quem será a companhia que está escondida na sala? Quando irão conseguir destrancar a entrada norte? Será que Giovanna estará naquela mansão, ou eram apenas falsos boatos? Continue lendo para descobrir! Vou ficando por aqui, um abraço, até mais e ... Pinguinando!